domingo, 24 de maio de 2009

Jack arteira!!!!

Um testemunho de como Deus tem cuidado de mim


Quando eu era pequena eu era muito travessa. Quando se ouvia na frase: "a Jaqueline virá aqui", todos se preparavam preocupados com a minha chegada porque tudo podia acontecer. Era um temor! rs Falar no meu nome seria o sinônimo de "arteira" e minhas artes marcaram minha divertida infância. Meus familiares e amigos ainda riem das minhas histórias até hoje.

Horas atrás estava com meus pais conversando exatamente sobre minhas travessuras no passado. Quando eu tinha uns 3 anos, matei alguns gatinhos afogados ao colocá-los num barril cheio de água por acreditar que eles nadavam ao nascer. Claro que a dona desses gatinhos acabou reclamando com meus pais. Mais tarde, coloquei fogo na casa ao começar com uma "pequena" fogueira (foi uma brincadeira inocente pois não tinha intenção de provocar um incêndio). Claro, levei uma surra devido minha arte! Quando eu queria me tornar uma "super man", coloquei meus pezinhos bem na ponta da laje a ponto de me atirar pois eu queria "voar". Não via perigo nenhum. Minha vizinha percebeu e sem que eu a visse, me puxou para trás salvando minha vida. Como se não bastasse, num casamento de um tio meu, fiquei mexendo com uns cachorros até que levei uma mordida! Foi minha mãe, meu tio e eu correndo para o hospital levar uns pontos no braço. O hospital me recebeu outra vez quando um outro belo dia eu estava dançando no banheiro (criança faz cada coisa!) até que alguém entrou (pois eu não tinha trancado a porta). Escorreguei, quebrei um vasilhame de vidro, e vai lá eu levar outros pontos na perna!

Anos mais tarde, inocentemente, ia com uma coleguinha no supermercado. Lá ela me induzia a roubar e roubavamos pequenas coisas. Comigo isso aconteceu algumas vezes até que alguém descobriu e contou para minha mãe. Minha coleguinha obviamente contou ao pais dela que a culpa era minha. Claro que, após explicar que aquilo era errado fazer, levei outra surra da minha mãe. Infelizmente, esse mal acabou viciando minha coleguinha e ela acabou se tornando uma ladra de verdade. Nossos outros coleguinhas foram parar na Febem e ela mais tarde na cadeia. Cumpriu pena de 4 anos.

Falando mais seriamente, voltando um pouco no tempo, percebi como o Senhor me livrou e tem cuidado de mim até hoje. Se não fosse pela oração da minha avó e pela misericórida do Deus vivo, talvez eu nem estaria aqui para testemunhar e poderia estar com a minha vida corrompida. Tantos livramentos, tantos cuidados, mesmo nas minhas travessuras, Deus sempre foi fiel em todos os meus anos estando ao meu lado e cuidando de mim.

Os anos se passaram e vejo hoje o Senhor atraindo um a um a Sua presença. Ele operou em mim e o vejo operando na vida dos meus familiares. Como não acreditar que Deus está aqui? Sabe, glória ao Senhor que não sou mais arteira (risos)! Mas mesmo na nossa ignorância, como Deus cuida de nós e nos ama!

As vezes você pode ter entrado numa fria com os amigos! Fez alguma bobagem na infância ou na adolescência ou até mesmo na vida adulta. Fez algo em que hoje você paga um preço muito alto por isso. Você errou (mas quem não erra?). Tem tantas coisas que a gente se arrepende mais tarde não é mesmo? Mas a verdade é que nunca é tarde para Deus operar um milagre de transformação na sua vida. Basta somente deixá-lo entrar na sua vida! Deus cuida você.

Uau!!! Acho que tive muitas aventuras na infância. Glória a Deus por isso e pelo que ele continuará fazendo não só na minha vida, mas na sua!!!

Curtiu o Blog? Registre aqui!