segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Diário de Oracão 29º Dia - Deus fez algo incrível: abriu mão. E nós?


Abro mão dos meus sonhos
Abro mão dos meus planos
Abro mão da minha vida por Ti
Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida a perderá; mas quem perder a vida por minha causa, este a salvará
Lucas 9.23-24
Já parou para pensar em abrir mão das coisas de que gosta?
Esses dias mesmo minha esposa me dizia: “Você tem muita facilidade para abrir mão das coisas que você gosta por amor a mim”. E eu  respondi: “Deus me deu uma responsabilidade que seria cuidar de você, por amor a Deus. Desde o dia que aceitei você como minha esposa tenho isto no meu coração, de abrir mão dos meus desejos por amor a minha família”.
Muitas vezes não é fácil, mas o melhor é fazer as coisas por amor a Deus que as demais coisas ele acrescenta. Usei o exemplo do casamento para você ver que na igreja as coisas não são diferentes.
Assim como no casamento quando nos desentendemos o mesmo ocorre na igreja também com nossos irmãos, líderes e pastores quando ficamos de cara virada um para o outro,. Há situação que não conseguimos nem olhar no rosto de nosso(a) companheiro(a) tudo porque ele(a) não fez as coisas que você queria. E você acha mesmo que na igreja seria diferente?
Para os casados, mesmo em um desentendimento com seu cônjuge, você deixou de amá-lo? Acredito que  não.
E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave.
Efésios 5:2

Olha como é interessante: Deus abriu mão de seu filho, e Jesus abriu mão de estar no céu por amor a você e a mim:
Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.
Filipenses 2:7-8


Por mais difícil que seja nos nossos dias, imagine uma igreja com esse mesmo pensamento de abrir mão de si para dar honra ao seu irmão imitando Cristo. Seria incrível!
E novamente usando o casamento como exemplo, muitas vezes temos que abrir mão para termos paz e não só ter paz, mas conseguir ter vitória na vida a dois. Na igreja devemos viver um “casamento” com nosso irmão e assim abrir mão de nossos desejo e vontades por amor a ele. Afinal, todos nós somos noiva de Cristo e se um dia vamos nos casar com ele, precisamos primeiro estar casado com nosso irmão. Juntos, unidos, vivendo um só pensamento, uma só fé, um mesmo Deus.
Não sei se isso já aconteceu na sua igreja algo assim: “Ah, mas se não for do meu jeito, ou se não for o meu projeto, não participo”.

Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo.
Filipenses 2:3

Hoje o inimigo quer cegar a igreja a (noiva de Cristo) para ela não conhecer a voz e nem o rosto de seu noivo, pois se a igreja não cumprir o que a bíblia diz, como poderemos ser chamados de Filhos de Deus?
Deus deu o maior exemplo de abrir mão para a humanidade que é dar seu único filho para todo aquele que nele crer tenha a vida eterna. Precisamos fazer o mesmo. Talvez você não queira dar seu filho em favor de outra pessoa, mas tem tantas outras coisas tão pequenas se comparadas ao que Deus fez que, abrir mão, poderia ser algo mais simples se quiséssemos. Aliás, quando estamos cheios do Espírito Santo, abrir mão não é tão difícil. Precisamos deixar de lado nosso lado carnal, andar no Espírito para que a vontade de Deus seja feita de modo que o mundo seja atraído para a luz de Cristo brilhando em nós. Vivendo na carne, com nossas ambições pessoais, orgulho, isto é impossível de acontecer.
Não espere os outros, comece em você a mudança na sua igreja. Ame mais, seja mais humilde, dê honra a seu irmão e viva a vida de Cristo.
 Para meditar: Efésios 5 / Filipenses 2

Curtiu o Blog? Registre aqui!