domingo, 6 de fevereiro de 2011

Temor ao Senhor

"O temor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo é prudência - Pv 9.10

                Temor não é ter medo. É respeitar e honrar a Deus, mas, infelizmente o temor é uma das coisas que mais falta dentro das igrejas.
                Em provérbios aprendemos que o temor é o princípio da sabedoria e o conhecimento do Santo, a prudência. Em Gn 39.1-9, nesta história José tinha a benção de Deus em tudo o que fazia e no momento em que ele se viu tentado, a preocupação dele não era com o esposo daquela mulher, com as conseqüências, José se preocupava em primeiro lugar em não pecar contra Deus.
                Se nós perdermos o temor a Deus temos um grande risco de perdermos Sua presença em nossa vida. Não podemos fechar nossos olhos e achar que “está tudo bem” para tudo. É preciso mensurar se isto ou aquilo, esta ou aquela decisão agrada ao coração de Deus. Isto é temor.
                Tudo o que fizermos, daremos conta dos nossos atos. Pensamos “ninguém tem nada a ver com isto”, mas na verdade, todos tem sim seja para reclamar ou elogiar você. Suas ações são impactos no mundo com conseqüências boas ou ruins. Por isso o temor a Deus é tão importante na nossa vida.
                Tudo o que é feito as escondidas, um dia, virá a tona. Achamos  que Deus está muito longe e que ninguém vai descobrir o que estamos fazendo. A bíblia diz para fugirmos de toda a aparência do mal e se você pensa assim neste momento, você está equivocado porque Deus vê todas as coisas e seus olhos estão em todo lugar. Observe a si mesmo, faça uma auto-análise e veja onde você pode estar em falta. Será que o que falta é mais temor a Deus? Este é o princípio da sabedoria.
                José tinha a liberdade de fazer o que quisesse na casa de Potifar, mas ele mesmo colocou um limite na liberdade que ele tinha. Para José, o limite seria não desagradar a Deus. Já parou para pensar se você tem um limite e qual é o seu?
                Se quisermos ter a benção de Deus nas áreas da nossa vida, precisamos preservar o temor do Senhor. A benção do Senhor nos alcança e também quem estiver próximos de nós.
                Conforme José tinha temor ao Senhor, o Deus foi-lhe acrescentando sabedoria e José se tornou governador do Egito. O Senhor o honrou! Tudo começou com temor e além disso, José agia com prudência pois adquiriu o conhecimento do Santo, isto é, ele conhecia ao Senhor.
                Aonde você quer passar seus dias eternos? Precisamos de mais temor ao Senhor. A falta disso é o que tem deixado na igreja, muitos fracos, doentes e que dormem. Aqueles que temem ao Senhor Ele o honra. Você precisa cair na graça das pessoas para que elas desejem aquilo que você tem. Você precisa ser diferente.

Curtiu o Blog? Registre aqui!