quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Fora do Aquário

           Quando eu olhei para esta imagem, a ficha caiu.
          Quando comecei a imaginar fiquei com dó do peixinho. Ele ali dentro do aquário, tendo todos os cuidados de seu dono como alimentá-lo e trocar a sua água, mas ainda assim, viver ali não era o suficiente. Talvez o problema fosse esse: ter um dono, alguém dominando o peixe e ele sabia que por melhor eu fosse o dono, cuidando dele dia a pós dia, o peixe sabia que havia um mar inteiro só para ele. E o melhor, ele seria dono da sua própria vida.
          A vida no aquário é verdadeira, tanto para o peixe quanto para nós humanos e enquanto vivemos no aquário ficamos limitados a conhecer as belezas do mar, da vida. Deixamos de viver nossos sonhos por causa dos outros. Deixamos de ser livres por causa dos outros. Deixamos de ser donos de nossa própria vida e por mais que sejamos cercados de cuidados, de conforto, o tempo vai passando e deixamos de viver as aventuras do mar.
          Se você é esse peixinho, saia do aquário. Cause um “acidente” e fuja dele. Não fique só olhando o mar onde os outros tem o privilégio de desfrutar. Viva dentro deste mar!

Curtiu o Blog? Registre aqui!