terça-feira, 6 de abril de 2010

De volta do acampamento - Notícias maravilhosas!!!

Fazer o que nunca fizemos para viver o que nunca vivemos


Oi pessoal a paz
          Feliz páscoa atrasado para todos vocês!!! Como contei no post anterior, estes dias estive em acampamento com o pessoal da minha igreja local e por isso não pude postar. Com certeza tenho muito pra contar este mês, por isso vou tentar escrever aos poucos..rs
          O título acima foi o nosso tema. Um tempo novo de Deus reservado para nossa vida. Este tempo e essa novidade de vida eu entendo que não foi so para mim ou para nossa igreja, mas para você que está lendo, pois como um rio, precisamos jorrar, precisamos passar adiante aquilo que o Senhor nos ensinou. Uma palavra muito forte que foi liberada sobre estes dias lá, trata-se acerca da função de um rio: água parada traz mal cheiro, faz mal. A água não deve ficar parada, deve jorrar e mais importante que um rio, é sua fonte.
          Conheci muitas pessoas lá. Fiz amizades maravilhosas e nosso desejo era que o Senhor se manifestasse e que cada um fosse tocado pela sua presença. Na sexta-feira pela manha fizemos um café da manha vestidos de personagens bíblicos (como eu estava maior linda, fui de Ester..rs.. as demais meninas que não sabia que personagem era, a gente dizia que era uma das concumbinas de Salomão..rs). A noite fizemos o jantar do "ridículo". No sábado pela manha ministrei o louvor e o Senhor meu deu uma direção para ministrar sobre a mulher do fluxo de sangue, passei a tarde ministrando no quarto das meninas sobre o meu testemunho na área do namoro e a noite, fizemos uma noite do reggae. Minha linda amiga também chamada Jack, contou seu testemunho de vitória. Ela literalmente foi tirada das trevas para luz. Depois de tanto sofrimento na sua infância e adolescência, o Senhor a restaurou e hoje e uma benção para nós (Leia o testemunho dela aqui). O Senhor a usou tão poderosamente! Inclusive ela se casará neste sábado, glória a Deus!!! Orem por ela!!!
          Voltando ao acampamento, após a noite do reggae fizemos um luau super gostoso. Cantamos, rimos e dançamos e ao voltar para nossos quartos ainda ficamos conversando muitoooo (detalhe, só no meu quarto tinha umas 14 meninas. Imaginem tudo isso conversando, de madrugada). Nem lembro que horas fui dormir...rs
          Ao sair do acampamento, indo direto para a igreja, pudemos nos reunir novamente para adorar ao Senhor no culto de ceia. O que fica no meu coração, é a saudade já desses dias, das pessoas que conheci, e o desafio de fluir como um rio. O acampamento na verdade é só uma gota daquilo que Deus faz. Uma vida de poder, continua depois, no nosso dia a dia.
Com amor
Jack

Curtiu o Blog? Registre aqui!